Quarto para dois: um desafio!

Quarto para dois: um desafio!Muitos já passaram  pela experiência de dividir o quarto com um irmão, sejam ou não do mesmo sexo (eu aqui incluída, dividi o quarto grande parte da minha vida com minha irmã do meio!!)

E o desafio é fazer uma decoração que agrade a ambos, que converse entre si, mantendo uma coesão, mas que não deixe de ter as características de cada um.

No caso de irmãos do mesmo sexo talvez seja mais fácil, porque pode-se entrar em acordo com relação às cores e definir a área de cada um com objetos de decoração, que represente a essência de cada um.

No caso de ser um menino e uma menina dividindo o quarto temos que ser um pouco mais criativos.

1

Quarto para dois: um desafio!

Quarto para dois: um desafio!

Quarto para dois: um desafio!

Quarto para dois: um desafio!Alguns optam por uma cor neutra e mais uma vez especificam o espaço de cada um com adornos dos quais eles gostam e que estão de acordo com a faixa etária.

Mas tem alguns que gostam de dividir o ambiente com cores específicas para cada um.Fica interessante, divertido e fora do comum.

Existem ainda aqueles que optam por uma decoração totalmente igual para ambos, quando são do mesmo sexo.

Acredito que o que mais importa quando se decora um quarto de irmãos especialmente quando eles já tem idade para opinar é que eles possam dentro de limites estabelecidos, serem atuantes na escolha do que gostam ou não de ter na decoração.

No caso da pouca idade, a preocupação recai mais com a segurança do ambiente e com a facilidade das crianças terem brinquedos à mão.Mas não se engane, até os pequenos já começam desde cedo a desenvolver gostos e precisamos ficar atentos a isso, para que a te mesmo a decoração do quarto possa estimular o desenvolvimento dos mesmos.

Afinal, mesmo nós adultos sabemos e queremos que nosso quarto seja o nosso refúgio e nosso cantinho acolhedor todo especial.

Quarto para dois: um desafio!

Quarto para dois: um desafio!

Quarto para dois: um desafio!Quarto para dois: um desafio!

Quarto para dois: um desafio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *